Traduzindo Machado de Assis

Machado de Assis

Quanto melhor redigido o texto, mais fácil torna-se a tarefa de traduzi-lo. Quando o original é inconsistente, repetitivo ou pior, no fundo não tem nada a dizer, a tarefa se torna tediosa e as chances de produzir um bom texto são drasticamente reduzidas.

Ou seja, quanto maior a maestria do autor, mais fácil a tarefa de traduzi-lo. Machado é um escritor parcimonioso com as palavras; é contido, austero, e extremamente sutil. É o maior dos mestres.

São porém textos que podem ser interpretadas em muitos níveis, que exigem do tradutor que fique sempre alerta para não perder as inúmeras sutilezas e ironias.

O estilo sucinto de Machado, aliado a sua maestria na construção da trama e extraordinária percepção psicológica, transformou a tarefa de traduzir este livro em uma experiência reveladora e singular.